EXTERMINADO

Exterminado

by Tarso Cabral Violin

censura

Nas ditaduras de antigamente quem era contrário ao regime ia preso, era torturado ou morto.

Em Cuba, uma blogueira que se indigna contra o governo pode falar a vontade contra o regime e viajar todo o mundo para expor suas posições.

Eu, em um país que se diz democrático, tinha que pagar até ontem mais de R$ 75 mil, por causa de articulação jurídica realizada pelo grupo do governador do Paraná, caso contrário não serei mais considerado um cidadão e perderei todos os meus bens. Isso com relação a apenas uma das multas eleitorais que sofri pela Justiça Eleitoral! Claro que não tenho esse dinheiro.

Além disso, estou sendo perseguido pelo governo do Estado do Paraná, tendo sido demitido de uma universidade que eu lecionava há mais de 10 anos, por fazer críticas fora dos muros da instituição ao governador, e com tentativas de boicote a eventos os quais sou convidado para palestrar, com ameaças aos organizadores de corte de patrocínio pelas empresas estatais do Paraná.

Agora, minha única salvação é a anistia às multas (projeto de lei no Congresso Nacional) por causa de duas simples enquetes de 2012.

Muitos já me ajudaram contra essas injustiças. Muitos, infelizmente não.

Me desejem força!

Tarso Cabral Violin – professor universitário, advogado, escritor, mestre e doutorando (UFPR)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s